skip to Main Content
(21) 99186-5884 contato@neurocienciasaplicadas.com.br
O Mutismo Seletivo é Um Transtorno De Ansiedade Complexo Da Infância, Mas Como Intervir?

O mutismo seletivo é um transtorno de ansiedade complexo da infância, mas como intervir?

O mutismo seletivo é um transtorno de ansiedade complexo da infância. É caracterizado pela incapacidade de uma criança/adolescente de falar e se comunicar efetivamente em ambientes sociais selecionados, como a escola. Portanto, essas crianças são capazes de falar e se comunicar em locais onde estão confortáveis, seguras e relaxadas.
A intervenção passa primeiro pela remissão de aspectos comportamentais, cognitivos e fisiológicos oriundos da ansiedade social, uma vez que a criança ou adolescente com mutismo seletivo tem medo real de falar e de realizar interações sociais, onde há uma expectativa de que fale e se comunique. 
O segundo aspecto de intervenção é quanto a propensão de inibir o temperamento. Essa característica é fonte de ansiedade em situações que geram medo nesse grupo e passam a desencadear uma série de reações disfuncionais que deveriam visar a proteção. 
O terceiro se associa a modulação do processamento sensorial. Essa dificuldade em modular essas informações sensoriais afetam suas respostas emocionais, uma vez que falhas no processamento sensorial leva a criança ou adolescente a interpretar mal as pistas ambientais e sociais, levando a inflexibilidade, frustração e ansiedade. 
Quarto, nas anormalidades sutis da fala e/ou linguagem, tanto receptiva como expressiva. Esse estresse adicional do distúrbio de fala, linguagem, dificuldade de aprendizagem ou déficit de processamento leva a criança/adolescente a se sentir mais ansiosa e insegura ou desconfortável em situações em que há expectativa de falar.
Portanto, o mutismo seletivo passa pela intervenção da ansiedade social na comunicação de preferência em grupo; terapia cognitivo-comportamental com técnicas de reforço positivo e dessensibilização; socialização frequente; reforço na auto-estima; envolvimento escolar; envolvimento da família e expectativa dos pais quanto as necessidades da criança/adolescente. 
É importante perceber que, com diagnóstico e tratamento adequados, o prognóstico para superar o Mutismo Seletivo é excelente!
A clínica do INA oferece programas de intervenção estruturados e interdisciplinares. Quer entender como?
Ligue e marque uma consulta. 
(21) 3577-3311 e (21) 99186-5884

Back To Top